Sobre as discordâncias que militantes do PCB e do Coletivo Minervino de Oliveira têm com os seguidores de Carlos Moore.

Por: Lopes Camarada*

Quando um homem, um hétero, um branco, um patrão diz que somos todos iguais sentimos de longe o cheiro dessa armadilha. Ainda mais hoje que se fala bastante da falsa democracia racial.

Os homens mais sensíveis e companheiros de luta apoiam a luta feminista, por saberem que não há palavras que possam reverter a realidade de serem homens e de gozarem dos privilégios históricos e sociais que isso acarreta, o mesmo ocorre com companheiros de pele branca.

Nascer com a pele branca, ainda que pobre, há toda uma realidade racista que nos confere a permissividade de entrar em lugares onde não estão as pessoas negras que conviveram sempre com a gente, há a polícia que não nos aborda da mesma forma… há todas as estatísticas de violência contra a mulher, nas quais as mulheres negras são mais de 60% em todas… há todas as estatísticas de violência contra os jovens e os jovens negros ultrapassam os 70% de todas elas… há toda uma população encarcerada.

Os casos isolados de personalidades negras a serviço da ordem não devem inibir as lutas pela emancipação racial, assim como negros a serviço da casa grande, ou brancos fascistas/racistas, pois as personalidades negras mais marcantes são todas guerrilheiras e contra a ordem vigente… somos o legado que mantém viva a chama de Zumbi e Dandara, Thomas Sankara, Tod@s @s Panteras Negras, Tod@s @s guerrilheir@s da descolonização de Angola e do Congo.

Sou uma mulher pobre de pele branca, o movimento negro chegou em mim quando era uma menina e não havia uma pauta sequer que eu não me identificasse. A partir de então, iniciei a militância, já são 17 anos e sempre estarei a disposição do movimento, para o que der e vier, rumo à emancipação humana e à revolução socialista. Reconheço a minha posição de privilégio, pela cor de minha pele, por isso e por causa de tantas outras formas de violência, segregação, discriminação, exploração que luto pela emancipação da humanidade e de nossa classe trabalhadora com as ferramentas dos comunistas que nos precederam.

Sou membro do PCB. Nossa organização está à disposição das organizações do movimento negro para conversa. Nossas linhas políticas são de combate ao racismo e de fortalecimento das lutas raciais de nossa classe trabalhadora e a serviço dela.

Somos pelas cotas nas universidades e em concursos públicos, somos pela aplicação na prática da lei 10.639/2005, por uma reforma agrária que dê conta de solucionar os conflitos de terra que atingem até mesmo com apoio da força nacional(exército) as comunidades Quilombolas e Indígenas, pelo fim das polícias e dos grupos de extermínio, que atuam nos bairros pobres, pelo direito da mulher de decidir ser mãe e pelo direito ao aborto, pois as mulheres mortas em aborto clandestino deve ser pauta a integrar as listas de denúncias feitas contra o genocídio da População Preta e Periférica. Somos pela liberdade ao culto religioso e pela defesa das religiões de matriz africana desde 1945. Nossos militantes do passado foram os primeiros a denunciar a falsa democracia racial e o primeiro candidato a presidência negro de nosso país foi Minervino de Oliveira, pelo PCB, em 1930.

Nossa organização nunca impediu nenhum grupo do movimento negro de se organizar, muito menos com difamações como as que estão sendo dirigidas ao PCB, via rede social. Nosso alinhamento e coerência política ocorre quando dentro do movimento negro, nós do PCB, nos aproximamos, apoiamos e compomos os grupos de esquerda deste movimento.

*Militante do Partido Comunista Brasileiro(PCB) e do Coletivo Negro Minervino de Oliveira

Sobre coletivominervino

O Coletivo Minervino de Oliveira é uma organização formada por militantes comprometidos com o combate ao racismo e à sociedade hierarquizada em classes
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s